• Moacir
    Moacir Luverdense (MT)
  • Willian
    Willian Náutico (PE)
  • Ciro
    Ciro Joinvile (SC)
  • Natan
    Natan Tombense (MG)
  • Diego Silva
    Diego Silva Nacional (Portugal)
  • Flávio Caça-Rato
    Flávio Caça-Rato
  • David Junio
    David Junio Náutico (PE)
  • Cássio Ortega
    Cássio Ortega Salgueiro (PE)
  • Kieza
    Kieza Vitória (BA)
  • Daniel Gonzaléz‏
    Daniel Gonzaléz Antofagasta (Chile)
  • Ronaldo Henrique
    Ronaldo Henrique Ohod Club (Arábia Saudita)
  • João Paulo
    João Paulo Náutico (PE)
  • Eliomar
    Eliomar Joinville (SC)

Moacir contratado pelo Paraná

O lateral-direito e volante Moacir deixou o Sport depois do final do Campeonato Pernambucano. E desde então está sem clube. Estava, retifique-se. O jogador acertou com o Paraná Clube, de Dado Cavalcante, e vai disputar a Série B pelo clube. O jogador viaja nesta quinta-feira com seu agente, Gilson Medeiros, para assinar o contrato. O vínculo vai até dezembro de 2013.

O atleta, de 27 anos, é natural do Recife. Começou a atuar no Central, de Caruaru, e só teve passagens por mais dois clubes: Sport - intermitentemente entre 2008 e 2013- e Corinthians, em 2010 e 2011. Uma de suas principais características é a versatilidade, já que pode jogar como volante e lateral.

Fonte: Blog do Torcedor

joaopaulo noticia

Uma das maiores promessas do Náutico neste ano é o atacante João Paulo. O jogador, que é da base do Timbu, tem dez jogos como profissional e já marcou quatro gols. Na maioria das partidas ele entrou apenas nos minutos finais.

A ideia de emprestar João Paulo chegou a ser cogitada para o atleta ganhar experiência em outros clubes, mas Silas prefere deixar o jovem no elenco alvirrubro:

“João Paulo é uma promessa nossa e por isso é melhor deixar ele aqui trabalhando do que emprestar. De repente vai para outro time e não joga. Ele é um jogador que tem um potencial enorme e é muito disciplinado", disse.

Para o treinador Silas, João Paulo tem um futuro bastante promissor, o comandante chegou a comparar o atacante com Osvaldo, que hoje está no São Paulo, mas já trabalhou com ele no Fortaleza:

“Osvaldo começou comigo lá no Fortaleza e eu falei para que o João Paulo assistisse a alguns vídeos dele porque acho que os dois são iguaizinhos. Isso é muito bom para a gente", finalizou.

Fonte: Esporte Interativo

flavio-recife-final-pe13

Flávio Caça-Rato fez cinco gols no Campeonato Pernambucano. A mesma quantidade que marcou na edição do ano passado. Como um repeteco, cinco bolas na rede e mais uma vez campeão estadual. Só uma diferença: desta vez, um dos gols foi marcado na grande final.

- Corri muito nos jogos, me dediquei ao máximo. Eu tinha que fazer algo nessa final, né? Foi um gol bonito, de quem sabe.

O atacante ainda aproveitou para cobrar a aposta feita com Moacir, que prometeu pintar o cabelo igual ao do amigo tricolor, caso a equipe rubro-negra perdesse o título.

- Infelizmente, é meu parceiro, meu amigão, mas vai pintar o cabelo. O salão é lá perto de casa. Ele sabe onde é e vai pintar. Ele me prometeu.

Flávio Caça-Rato tem o seu contrato se encerrando no final do mês de maio. Mesmo sem mostrar muita preocupação e com tranquilidade no discurso, Caça-Rato mostrou desejo de permanecer.

- Eu não ligo muito para isso. Quando eu renovei no início do ano até este mês de maio, disse que não ia faltar vontade. Fui brindado com esse gol na final e quero continuar no clube. Eu sou feliz aqui.

Fonte: Globo Esporte

flavio-recife-passe

Flávio Caça-Rato fez belo toque de calcanhar, resultando no gol que abriu o placar no Clássico das Multidões, pela primeira partida da final do Pernambucano 2013. Confira abaixo o vídeo do passe:

joaopaulo noticia

Artilheiro do Náutico no Campeonato Pernambucano e autor de um golaço diante do Ypiranga na última rodada, o atacante João Paulo revelou que tem o DNA de goleador na família. O atleta de 17 anos é sobrinho do eterno ídolo do Sport, Leonardo, um dos principais jogadores rubro-negros na década de 1990. Para seguir os passos do tio, o atleta alvirrubro revelou que vem seguindo os conselhos de quem já trilhou um caminho de sucesso.

"Leonardo simplesmente me ligou, falou comigo, para continuar assim, não baixar cabeça e se der fazer gol. Jogar sempre sem medo", disse João Paulo, que tem 17 anos e acabou de deixar o time juvenil alvirrubro. Destaques nas primeiras rodadas do Estadual, o garoto foi preterido pelo Bahia e pelo Sport no ano passado, onde não foi aproveitado nas divisões de base.

Por correr muito e ainda mostrar que sabe fazer gols, João Paulo foi apontado como um possível substituto de Rhayner no Náutico. "Pretendo continuar trabalhando forte para quem sabe ser substituto dele. Tento melhorar a cada dia para mostrar em campo que tenho condições de entrar e jogar", afirmou, emendando sobre os dias de sucesso que vem tendo. "Muita gente quando me vê no clube mesmo fala comigo, me da os parabéns pelo gol, mas não posso agradecer só por mim, mas pelo grupo todo que esta fazendo isso acontecer."

Elogios de China
Contemporâneo de Leonardo, o técnico dos juniores Sérgio China fez um comparativo entre o tio e o sobrinho. "João Paulo é mais forte fisicamente, marca muito. São dois atletas diferentes, Leonardo tinha definição no drible muito maior, um poder de definição grande. Espero que o João tenha a felicidade do tio aqui no Náutico. Se fizer 70% do que o tio fez, vai ser muito feliz aqui", afirmou.

Fonte: Placar

Mesmo depois do início da pré-temporada dos clubes as especulações de fim de ano imperam. A da vez é em torno do atacante Ciro, ex-Sport, que hoje pertence ao Fluminense.

A história é de que o ABC está tentando negociar o empréstimo do jogador no seguinte sistema: o Alvinegro paga uma parte, o Fluminense banca o restante.

Nesta história só tem três detalhes básicos. O primeiro é que Ciro ganha quase R$ 100 mil por mês para ser componente de grupo no Fluminense. Outro é que o jogador sequer recebeu proposta do ABC. Por último, ninguém (até então) havia perguntado a Ciro se ele tinha vontade de jogar em Natal.

Este repórter se deu ao trabalho. Segundo o empresário de Ciro, Gilson Medeiros, o ABC não está na lista de clubes que interessam ao atacante - ou que iniciaram qualquer tipo de negociação. "ABC de Natal? Olha, se tem essa conversa por aí eu posso lhe assegurar que não é verdade", disse.

Fonte: Novo Jornal

Pagina 5 de 7

Mais que uma empresa de futebol, uma Família!

Momentos

Atletas